Fotógrafo que denunciou racismo é acusado de inventar história e desativa página na rede social

Publicado em 17 março, 2018 9:56 pm

 

O fotógrafo Tiago Alves, de Teófilo Otoni, desativou sua página no Facebook depois de ser acusado de inventar a história de que foi vítima de racismo. Tiago é fotógrafo, efetivamente, gravou um vídeo sobre o caso, depois de reproduzir o que seria uma conversa dele com uma suposta contratante. Porém, acusado de inventar a história, bloqueou críticos e depois saiu da rede.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!