O preço da boiada: MP descobre transferências milionárias para Salles após quebra de sigilo

Publicado em 29 maio, 2020 11:29 am
Salles

O Ministério Público de São Paulo descobriu transferências milionárias entre contas controladas pelo ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles. A promotoria suspeita de sonegação fiscal e lavagem de dinheiro.

Segundo a instituição, Salles repassou R$ 2,75 milhões da conta de seu escritório de advocacia para a sua conta pessoal em 54 transferências, feitas entre 2014 e 2017.

À época, ele exercia dois cargos públicos na gestão do ex-governador Alckmin em São Paulo, além de atuar como advogado na iniciativa privada.

As informações são da Crusoé.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!