Pesquisa diz que 11% dos candidatos que se autodeclararam negros são vistos como brancos em SP

Publicado em 11 novembro, 2020 8:27 am
Matheus Alves e Pedro Borges/Alma Negra

Da FOLHA:

Entre todos os candidatos a prefeito e vereador nesta eleição que se autodeclararam negros —ou seja, pretos ou pardos— na cidade de São Paulo, 10,7% foram percebidos como brancos. No Rio de Janeiro, o índice cai pela metade: 5,7%.

Os números são resultado de uma pesquisa do Grupo de Estudos Multidisciplinar da Ação Afirmativa (Gemaa), núcleo do CNPq com sede na Uerj (Universidade do Estado do Rio de Janeiro) que atua desde 2008 em investigações sobre políticas de combate à desigualdade.

O levantamento mostra que essas candidaturas não são uniformes entre os partidos: no Rio de Janeiro, o PTC e o PMB tiveram, respectivamente, 14% e 13% dos candidatos negros dentro desse grupo. O mesmo pode ser observado em São Paulo. A UP, com 25%, e o PC do B, com 20%, lideram a lista —embora a primeira sigla tenha lançado apenas quatro candidatos na capital paulista.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!