Presidente do fundo de pensão do empregados da Cedae deve ser um apadrinhado do Pastor Everaldo

Publicado em 14 fevereiro, 2020 7:16 am

 

Ele

Da Coluna de Lauro Jardim no Globo.

Um dos atos derradeiros de Hélio Cabral antes de ser demitido da notória Cedae foi indicar o presidente da Prece, o fundo de pensão do empregados da estatal de águas e esgotos do Rio de Janeiro.

Trata-se de João Costa Junior, apadrinhado do também notório Pastor Everaldo, presidente do PSC, assim como o próprio Cabral.

Se for efetivado — ainda falta o o.k. da Previc, agência que regula e fiscaliza os fundos de pensão — Costa Junior será o quinto presidente da Prece em doze meses.

(…)

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!