‘Provavelmente nada foi preservado’, diz capitã do Corpo de Bombeiros sobre incêndio na Cinemateca

Publicado em 29 julho, 2021 11:55 pm

Uma manutenção no sistema de ar condicionado foi apontada como a causa do incêndio que atingiu o galpão da Cinemateca Brasileira na Zona Oeste de São Paulo, nesta quinta-feira, segundo informações da capitã Karina, do Corpo de Bombeiros.

A contratação do serviço, contou ela, foi feita pelo Governo Federal, responsável pela Cinemateca.

Segundo Karina, o incêndio atingiu uma área de 300 a 400 metros quadrados, no primeiro andar do edifício, correspondente a três salas com arquivos.

“Só teremos certeza após a perícia, mas, provavelmente, não foi preservado nada”, afirmou Karina.

Profissionais da Cinemateca afirmaram aos bombeiros que duas das três salas tinham rolos de filmes históricos das décadas de 1920 e 1940, e outra de arquivo impresso histórico.

Com informações do Globo.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!