Tacla Durán critica Moro por tentar interferir na justiça do Paraguai

Publicado em 10 março, 2020 8:17 pm

O advogado Rodrigo Tacla Durán foi ao Twitter detonar a interferência do ministro Sergio Moro no caso da prisão de Ronaldinho Gaúcho, detido no Paraguai por portar documentos falsos.

Na última segunda-feira (9), Moro telefonou para o ministro do Interior do Paraguai, Euclides Acevedo, para pedir a libertação de Ronaldinho e de seu irmão, Roberto de Assis Moreira.

“Russo [Moro] pensou que estava falando em Curitiba com Deltan Dallagnol”, zombou Tacla Duran.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!