Tacla Durán é chamado para colaborar com investigações na Argentina; no Brasil é considerado foragido

Publicado em 17 abril, 2018 7:14 am

De Daniela Lima do Painel da Folha.

(…)

Rodrigo Tacla Durán, o advogado que questiona a delação da Odebrecht, recebeu carta rogatória para colaborar com investigações na Argentina. No Brasil, ele não é considerado foragido, não testemunha.

(…)

Acompanhe as publicações do DCM no Facebook. Curta aqui.

Clique aqui e assine nosso canal no youtube