Universidade pega fogo durante protestos no Chile

Publicado em 8 novembro, 2019 9:30 pm
Universidade Pedro Valdivia. Foto: Reprodução

Da Folha:

Dezenas de milhares de manifestantes foram às ruas de Santiago nesta sexta (8) na terceira maior marcha desde o início dos protestos no Chile, há 22 dias. Em meio a distúrbios, a sede de uma universidade pegou fogo e um grupo saqueou uma igreja histórica e usou o mobiliário para acender barricadas.

O protesto massivo foi predominantemente pacífico e ocupou a região da praça da Itália, no centro. A poucos metros dali, porém, a sede da universidade particular Pedro de Valdivia foi incendiada durante um confronto entre manifestantes encapuzados e a polícia de choque.

O edifício, construído em 1915, começou a queimar pelo teto de madeira, enquanto manifestantes acenderam barricadas nos arredores, disseram testemunhas a meios de comunicação locais.

(…)