Estou me recuperando bem da covid e fazendo fisioterapia. Por Afrânio Silva Jardim

Afrânio Silva Jardim. Foto: Divulgação/Facebook
NÃO ME DESESPEREI !!!
Quando o meu médico disse que eu seria intubado, sabia que poderia não mais acordar, que poderia deixar de viver. Ainda acho estranho, mas fiquei tranquilo e conformado.
Comuniquei a situação à minha filha Júlia e não consegui falar com a minha esposa Elyeth (ela estava falando com o médico). Sabia que poderia ser uma despedida, mas não dei esta conotação. Continuava aceitando toda esta dramática situação com serenidade.
A partir daí, só me lembro de estar sendo “acordado” pelo médico, Dr.Fernando Azevedo, sem noção alguma do tempo em que fiquei intubado (quatro dias). Os piores dias foram o que se seguiram, amarrado na cama (primeiro dia) e totalmente dependente do auxílio de terceiros para os movimentos e atos mais comezinhos.
Agora, estou me recuperando bem e já ando sozinho, estando fazendo fisioterapia.
Toda esta agonia nos impacta e nos provoca novas reflexões, que publicarei oportunamente. Devo a muitas pessoas o fato de estar vivo e isto também será objeto de novas mensagens.
Agradeço a meus leitores pelas mensagens amigas que recebi.
Afranio

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!