Fábio Comparato diz que os vazamentos do Intercept comprometem Moro e acusa CIA de ter idealizado a Lava Jato

Fabio Konder Comparato (Imagem: reprodução YouTube)

“A chamada Operação Lava Jato foi idealizada pelos norte-americanos (notadamente a CIA) e teve por principal objetivo afastar Lula das eleições”.

A declaração é do professor e jurista Fábio Konder Comparato, um dos principais constitucionalistas do país.

Em entrevista exclusiva ao DCM, o fundador e primeiro professor da Escola de Governo de São Paulo falou sobre o escândalo dos vazamentos que revelam conluio entre o então juiz Sergio Moro e os procuradores de Curitiba no processo que levou Lula à prisão e impediu o petista de disputar a eleição presidencial no ano passado.

Segundo Comparato, “as informações divulgadas pelo Intercept, na melhor das hipóteses, comprometem a imparcialidade do então juiz Moro”.

Ele diz ainda que “o Procurador Deltan Dallagnol revelou claramente suas ligações com o norte-americanos e não poderia igualmente prosseguir como acusador nos processos da Lava Jato”.

Por fim, revelou suas impressões sobre o que deve ocorrer no STF. “Não acho improvável que os ministros anulem os processos criminais em que Lula foi acusado e condenado”.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!