Farra do combustível: Deputado bolsonarista Daniel Silveira enche o tanque em Petrópolis mesmo quando está em Brasília

Daniel Silveira. Foto: Reprodução

Por Caique Lima

O deputado bolsonarista Daniel Silveira, o mesmo que quebrou a placa da Marielle e que já pagou R$110 mil pelos serviços de uma empresa antes mesmo de ela ser aberta, compra gasolina no Rio de Janeiro enquanto está no Distrito Federal.

No dia 25 de junho de 2019 o deputado abasteceu 397,59 litros de gasolina no valor de R$2.067,47 no Auto Posto Bonsucesso em Petrópolis (RJ).

Ocorre que a nota foi emitida às 14:40 e ele marcou presença em uma Sessão Deliberativa na Câmara, que teve início às 14:00.

O deputado ainda esteve na Câmara nos dois dias seguintes (26 e 27).

Mas esta não foi a única vez em que o deputado comprou combustível no Auto Posto Bonsucesso enquanto estava em Brasília.

Em 24 de outubro do mesmo ano, Daniel Silveira marcou presença numa Sessão Deliberativa Extraordinária que teve início às 09:43 e acabou às 22:51 e uma nota foi emitida em seu nome, no posto em Petrópolis, às 15:56.

Neste dia, o deputado abasteceu 439,06 litros no valor de R$2.195,30.

Ele só teve presença registrada na Câmara novamente no dia 29.

Além dessas duas situações, o deputado já teve outros gastos no mínimo suspeitos neste posto.

Em 25 de abril de 2019, Daniel Silveira abasteceu 832,10 litros de gasolina (R$3.223,25) às 10:21 e exatamente uma hora depois (11:21), estava na Câmara.

O deputado de fato foi ao Rio neste dia, mas chegou lá somente às 15:15.

Em 25 de setembro de 2019, Daniel Silveira abasteceu 562,24, litros de gasolina (R$2.811,20) às 17:45, dois minutos depois do fim de uma Sessão Deliberativa em que esteve presente.

Em 10 de outubro de 2019, Daniel Silveira esteve em plenário que durou das 09:43 às 22:51 e abasteceu 44,76 litros de gasolina (R$232,79) às 15:56.

Em 27 de maio, o deputado abasteceu 520 litros de gasolina (R$2.812,58) no Rio e, somente um dia depois (28), abasteceu 58 litros de gasolina (R$268,81) em Brasília.

Daniel Silveira abastece o carro religiosamente todos os meses desde fevereiro de 2019 no Auto Posto Bonsucesso.

Todo fim de mês, entre os dias 25 e 27, o deputado deixa lá cerca de R$2.500 como se fosse uma mensalidade.

Procurada pelo DCM, a assessoria da Câmara dos Deputados esclareceu que “para aquisição de combustível com recursos da cota parlamentar não é exigida a presença do deputado no estabelecimento em que se dá o abastecimento do veículo”.

No entanto, afirmou que o gasto deve se destinar “estritamente a apoio do exercício do mandato”.

Além disso, os assessores e secretários vinculados aos gabinetes de deputados só podem fazer uso da cota parlamentar do deputado para passagens aéreas, hospedagem e lotação ou fretamento de veículos, segundo o ato de mesa que institui a Cota Parlamentar.

O DCM procurou o deputado Daniel Silveira, mas ele não se manifestou até a publicação desta reportagem.