Fátima Bernardes vai novamente às lágrimas com Yanna Lavigne no programa Encontro da Globo

Segundo publicação da VejaSP, Fátima Bernardes surpreendeu Yanna Lavigne na manhã desta sexta (30) no Encontro. A apresentadora falava sobre os filhos que influenciam o pai e questionou a atriz de O Sétimo Guardião: “Yanna, você com os seus pais, você acha que já os influencia ou eles ainda te influenciam muito?”.

“É uma aprendizagem mútua. Eu acho que a cada dia eu aprendo com a minha mãe, e morar longe influencia. Então a gente dá mais valor, a gente escuta mais, coisas que quando a gente está em casa passam batido”, explicou a atriz.

“A troca é muito maior, mesmo que por telefone, quando dá um aperto, quando sente saudades, ou quando precisa de um conselho… liga, que se faz presente”, finalizou Yanna.

Fátima, então, revelou que a mãe da atriz falou o mesmo sobre a filha — e pediu para que a produção da atração matinal rodasse o vídeo gravado pela mulher. “Mentira!”, exclamou a artista ao ser surpreendida pela apresentadora.

“Aprendemos com vocês que amar não é só dar e receber, é ensinar e aprender. Te amamos!”, diz a mensagem gravada pelos pais de Yanna para a filha. Ela foi às lágrimas com a surpresa e emocionou Fátima Bernardes.

“Eu acho que eu sou uma pessoa muito grata à vida e à oportunidade que eu tive de nascer numa família com uma base tão sólida, tão amorosa e que fez… aí, eu estou muito nervosa. Minha mãe, meu pai… e fez com que eu me tornasse a pessoa que eu sou hoje, sabe? Eles são essenciais na minha vida”, disse a atriz, ainda emocionada.

Fátima, então, questionou: “Acho que depois de ter tido filho deve ter potencializado muito mais, né?”. “O valor muda, a gente ressignifica os nossos sentimentos, o nosso foco. O que eles significam para gente depois da gente se tornar… a gente entende todas as questões, a gente entende todas as preocupações, o carinho, o carinho demais, o exagero. Hoje eu sou uma filha melhor, depois que eu me tornei mãe, sem dúvida“, explicou Yanna. Ela também agradeceu a surpresa.

“A família é a coisa mais importante, a gente tem que cuidar, vivenciar, dar valor. E hoje eu tenho a minha, eu tenho meu lar. Então eu me vejo muito, quando eu tinha meus pais e eu admirava, enfim…”, finalizou a atriz.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!