FHC se perdeu e descuida da luta pela democracia. Por Renato Janine Ribeiro

Ele

Publicado originalmente no perfil de Facebook do autor

POR RENATO JANINE RIBEIRO, filósofo e ex-ministro da Educação

Sempre elogiei FHC, nao só ou nem tanto pelo Plano Real, mas por ter persuadido a direita brasileira a praticar o jogo democrático e, além disso, por ter efetuado uma transição super tranquila do poder para nosso primeiro presidente de esquerda.

Por isso mesmo, sua atitude nos últimos anos me desaponta.

Sei que há um mar de mágoa entre PT e PSDB, mas meu ponto é outro:

Creio que FHC foi o primeiro presidente brasileiro, desde Getúlio Vargas (lembrem: “saio da vida para entrar na História”), a dar real importância à imagem que legaria para a História.

Talvez Sarney, mas mais por seu lado acadêmico.

FHC realmente parece ter pensado em ficar como um grande presidente na História do Brasil.

Lula, por sua vez, não me parece ter-se preocupado com isso nunca. Creio que queria muito mais realizar um Brasil socialmente justo.

E o estranho é que de uns anos para cá FHC tem desfeito sua imagem histórica. Como lembra Carlos A. Ferreira Martins, ele deixou Aécio desqualificar a eleição de 2014, apoiou e/ou tolerou Temer e é complacente com Bolsonaro.

Isso, ao mesmo tempo que seu antigo PSDB, hoje reduzido a apenas 29 deputados federais que fazem dele o 9.o partido em tamanho do Brasil, se afastou dele. Pode continuar sendo seu presidente de honra, mas é visível que a turma de Doria não gosta de FHC, pior que isso: não o respeita.

Alberto Goldman, Aloysio Nunes foram contundentes na crítica à degradação do seu partido. Ele, não.

Realmente não consigo entender. O Brasil tem o governo mais inepto e desrespeitoso da História – e FHC diz que não é assim tão grave?

Já comentei, no 2.o turno de 2018, que um político republicano, da França que ele tanto admira, não teria a menor dúvida em imediatamente chamar os votos contra a extrema-direita.

Isso é fazer política, isso é fazer política republicana.

Mas confesso que não entendo por que ele descuida do que fez de bom, por que descuida de seu papel na luta pela democracia.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!