Fila do INSS é culpa de Guedes; Bolsonaro usa máquina para criar partido. Por Kennedy Alencar

Jair Bolsonaro e Paulo Guedes. Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

PUBLICADO NO BLOG DO KENNEDY

POR KENNEDY ALENCAR

A volta da enorme fila para pedir aposentadoria é responsabilidade do ministro da Economia, Paulo Guedes, que não entende de gestão pública e tem muito gogó para soltar balões de ensaio. Ele não entrega, para usar um termo caro ao mercado.

Há vários fatores que explicam o acúmulo de pedidos, mas Guedes está no poder há um ano. A fusão de vários ministérios sob sua alçada, acabando com a pasta da Previdência, deu no previsto há um ano neste espaço: a estrutura administrativa de Bolsonaro geraria problemas de gestão.

Acrescente-se que a Previdência é vista como problema pelo atual governo. Interessa a Guedes o desmonte da área social. Segurar aposentadorias na boca do caixa ajuda no ajuste fiscal, com os mais pobres pagando uma conta salgada.

Nos últimos anos, foi abandonado o contrato de gestão na Previdência, o que estimulava a produtividade de servidores. Vagas abertas foram canceladas. O último concurso para o setor aconteceu em 2015. As filas acabaram no governo Lula e voltaram com toda a força sob Bolsonaro e Guedes.

Recorrer a 7 mil militares para atender ao público é medida paliativa. Pela entrevista de ontem da equipe econômica, a fila vai continuar grande por um bom tempo. Demofobia ajuda a explicar.

 

 

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!