Flamengo x Bangu foi o jogo da morte e fiz questão de não ver. Por Moisés Mendes

Flamengo x Bangu, em jogo sem torcida (Reprodução)

Não vi, e não veria nem à força, o jogo do Flamengo contra o Bangu hoje no Rio.

Foi o espetáculo da morte, com jogadores resignados e submetidos aos interesses dos clubes, dos empresários e dos patrocinadores.

Um show de alheamento de atletas resignados, incapazes de se rebelar contra uma decisão tomada enquanto cresce o número de mortos no Rio e em todo o país.

Alguém deveria ter dito: não jogaremos nesse cenário de matança e de desgoverno.

Mas jogaram. O futebol brasileiro não é apenas medíocre e mafioso, como sempre foi. É um esporte de atletas alienados, estúpidos e covardes.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!