“Frustrante apertar o número do DEM, resultado dos erros da esquerda”, diz vereadora do PT no Rio

Crivella e Paes

O texto foi postado pela vereadora eleita Tainá de Paula, do PT.

No Twitter:

“É frustrante sair de casa hoje e apertar o número do DEM. E esse é o resultado em diversos erros da esquerda carioca, desde a não-construção da Frente de Esquerda até o lançamento de nomes sem grande expressão eleitoral para marcar posição.

É importante falar que chegamos perto da construção dessa frente em torno do nome de Marcelo Freixo, mas infelizmente faltou maturidade e compreensão do contexto que vivemos.

O nosso campo aqui no Rio precisa compreender que somente nomes não serão suficientes para derrotar o Bolsonarismo em sua capital. É necessário unidade nas ações, nas construções e nas urnas. Não sei se seria possível uma vitória, mas sem dúvida seria viável chegar no 2º turno.

Não tem condição do voto de opinião da esquerda ser uma delegada. Com todo o respeito ao PDT e a sua construção – e entendendo que o próprio PT reproduziu isso em outros lugares -, o Rio de Janeiro não pode sucumbir a esse processo de militarização da política.

A retirada do nome de Marcelo Freixo, mesmo sem a composição da frente ampla de esquerda e com uma frente mais restrita foi outro erro. Apesar de parecer coerente no momento, era hora de manter a candidatura.

Erramos muito nesse processo. Cabe a nós entendermos os nossos erros, reconstruir nosso campo, pautar a nossa unidade e virmos fortes para 2022 estadual e nacionalmente”.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!