Guia Completo Para Forex Trading No Brasil

Guia Completo Para Forex Trading No Brasil

Como foi seu 2019 sob o ponto de vista financeiro? Te proporcionou pouca ou muita satisfação? Caso tenha te proporcionado pouca, você deve se perguntar: “Por que não foi como eu queria?”. Muitas pessoas não sabem bem o que as impede de alcançar a independência financeira. Um dos princípios mais básicos é o seguinte: a quantidade de dinheiro que vai para o seu bolso deve superar a quantidade que sai. Simples, não? Porém, incrivelmente, muita gente não se dá conta disso, e gastam todas – ou quase todas – as suas finanças. E quando querem investir, não podem, pois não sobrou nada. Se você já tivesse aberto uma conta em uma corretora, como a Alpari, a Rico, a Easynvest ou a Clear, não estaria passando por essa situação.

Há um jeito. Comece, hoje mesmo, a fazer uma reserva que te permita aumentar seu capital. Você pode fazer isso depositando, mensalmente, uma quantia em uma corretora brasileira, para investir em fundos de renda fixa e em renda variável (ações na bolsa de valores, por exemplo) ou lendo este pequeno guia para Forex Trading no Brasil.

Mas o que é Forex Trading?

Trata-se de negociações no maior mercado de câmbio do mundo, o Forex. À diferença do que ocorre na Bovespa, as negociações em Forex envolvem pares de moedas. Ou seja, você adquire um par (por exemplo, EUR – USD), e espera que uma se valorize em relação a outra. Nesse mercado, as chances de lucro são grandes, mas as de perdas também são enormes. Portanto, adotar uma boa estratégia, sempre com atenção a fatores externos que possam influenciar o mercado financeiro, como decisões oriundas do mundo político, será crucial para o seu sucesso (ou fracasso) no mercado Forex.

Caso você more no Brasil, não poderá abrir uma conta em uma corretora do país para negociar no Forex. Atualmente, a Comissão de Valores Mobiliários não regula esse mercado. Portanto, você deverá abrir uma conta em uma corretora no exterior, como a Alpari.

Realmente posso abrir uma conta em uma corretora estrangeira?

Sim, você pode. A legislação brasileira não impede esse tipo de abertura. A sua obrigação, porém, será indicar, na declaração de Imposto de Renda, os lucros que obtiver no Forex.

Além disso, outro detalhe muito importante para quem deseja iniciar a “carreira” como investidor ou investidora no mercado Forex é fazer um teste. Ou seja, você terá a chance, antes de mergulhar nas negociações de verdade, de conhecer o funcionamento do mercado. É como se fosse um test drive. Basta criar uma conta demonstrativa em uma corretora internacional, e você começará a ter uma melhor ideia sobre como funciona na prática real.

A última dica que podemos te dar neste pequeno guia é sobre os riscos. Ter um bom gerenciamento deles, que pode ser, por exemplo, por meio de estratégias como a de escalpelamento (pequenas operações iniciadas e finalizadas no mesmo dia, com a possibilidade de obtenção de pequenos lucros) e a de negociação posicional (algo mais duradoura, e que requer uma boa visão sobre os movimentos no mercado nos dias seguintes), será fundamental para que as possíveis perdas sejam minimizadas. Por isso, estude o máximo que puder. Escute o que as grandes referências em investimentos no mercado financeiro dizem, especialmente quando relatam suas experiências.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!