Janaina Paschoal foi pivô de demissão do Manhattan Connection da Cultura

Janaína Paschoal deu entrevista ao Manhattan Connection na última quarta (22) – Foto: Arquivo/TV Cultura

Fontes ouvidas pelo DCM afirmam que a deputada federal Janaina Paschoal (PSL-SP) foi pivô do rompimento da parceria entre Manhattan Connection e a Cultura. A emissora anunciou, nesta sexta-feira (24), o fim do contrato do programa que existia há quase 28 anos na TV paga, entre GNT e GloboNews, tendo chegado ao canal público em janeiro deste ano.

Apesar da emissora não ter explicado o motivou da decisão, o DCM apurou que a direção da cultura não gostou do publicação, feita por Caio Blinder no Twitter, de uma entrevista com a bolsonarista. A repercussão negativa fez com que o jornalista se manifestasse publicamente.

“Gente de esquerda horrorizada aqui no meu Twitter com a vinda de Janaina Paschoal ao Manhattan Connection exibido quarta feira na TV Cultura. Esta gente autoritária é um horror. O MC é plural”, escreveu.

Leia também

1- Militar preso com 39Kg de cocaína em avião do Governo Bolsonaro, segue recebendo salário

2- Allan dos Santos foi patrocinado por Luciano Hang graças a Eduardo Bolsonaro

Defesa

Por conta da defesa de Caio, a atração chegou ao fim na TV Cultura. O real motivo são as pautas bolsonaristas defendidas por Janaina. Isso gerou incomodo e revolta em internautas que não gostaram da participação da parlamentar no programa. A última exibição vai ao ar neste domingo, em caráter de reprise.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!