Kakay: Moro processou mais de 100 inimigos pessoais ou do governo com base na LSN

O ex-ministro Sérgio Moro processou mais de cem desafetos com base na Lei de Segurança Nacional, segundo denúncia do advogado Carlos Alberto de Almeida Castro, o Kakay, a partir de informação obtida com um delegado da Polícia Federal. A denúncia foi feita durante uma live publicada nesta quinta-feira (06) pela TV Democracia.

A transmissão ao vivo foi proposta pelo constitucionalista Pedro Serrano para iniciar a discussão em torno da revogação da Lei de Segurança Nacional e sua substituição por uma lei de defesa do Estado que não crie a figura do inimigo de Estado. Participam da discussão os advogados Carol Proner, Antônio e Cristiano Maronna, e o Deputado Paulo Teixeira (PT/SP).

Veja:

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!