Machismo de especialista provoca polêmica no programa de Fátima Bernardes na Globo

Fátima Bernardes apresenta o “Encontro” (Imagem: Divulgação / Globo)

Da Veja SP

Fátima Bernardes promoveu um bate-papo no Encontro desta terça (16) sobre o que torna um amor duradouro — ou seja, quais são as dicas e bons hábitos para um relacionamento longevo e bem sucedido. Para debate o assunto, a apresentadora recebeu a especialista Lígia Guerra, autora do livro Amor Sustentável. No entanto, uma opinião da psicóloga provocou polêmica na internet.

Uma mulher da plateia revelou que, após vinte anos de casada e 14 anos solteira, ela voltou a namorar e pretende se casar com o novo companheiro. No entanto, os namorados viverão em casas separadas e se encontrarão apenas nos fins de semana. A mulher defende que o acordo é uma “eterna lua de mel”.

Após ouvir a história da convidada, Lígia deu um conselho aos telespectadores: “Cada relação tem um contrato. Eu digo sempre que o que funciona para um pode não necessariamente funcionar para o outro. Mas existe uma coisa que o casal não pode esquecer que o excesso ou a falta de intimidade geram esse tipo de problemas também. Uma coisa muito básica do amor, que pouco se fala sobre relacionamentos, é aquela folga… o marido deixa a tampa do vaso sanitário aberta, a mulher esquece de depilar, ou não sabe nada um da vida do outro, vivem apenas como duas pessoas que pagam contas” — clique aqui para assistir ao momento.

(…)

Na internet, telespectadores questionaram a comparação feita pela psicóloga entre deixar a tampa do vaso sanitário aberta de “esquecer de depilar”.

(…)

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!