Milhares de usuários do Twitter mandam para ONG razões esdrúxulas para Bolsonaro bloqueá-los

Jair e Carlos Bolsonaro

O hábito bastante democrático de Jair Bolsonaro de bloquear críticos no Twitter virou alvo de investigação da ONG Human Rights Watch (HRW).

Pelo Twitter, a organização pediu a internautas que comentassem de quais autoridades elas estão impossibilitadas de ver as postagens bem como o motivo pelo qual ocorreu o bloqueio.

A maioria das imagens são do Twitter do presidente, seus familiares ou aliados do governo.

Entre os motivos estão críticas ao governo, piadas e perguntas sobre a vacina contra covid-19.

Veja: