Ex-mulher ameaçava expôr intimidades de Bolsonaro se não tivesse controle da rachadinha, diz ex-funcionário

Ana Cristina chantageava Bolsonaro – Foto: Reprodução

Ex-assessor de Flávio Bolsonaro, Marcelo Luiz Nogueira continua revelando casos de corrupção na família do presidente. Em entrevista ao Metrópoles, ele afirmou que Ana Cristina Valle, ex-mulher do atual mandatário ameaçava expôr intimidades da relação do casal se não tivesse controle da rachadinha.

O ex-funcionário conta que nem todas as histórias que Ana Cristina ameaçava espalhar sobre Bolsonaro eram verdadeiras.

“Isso aconteceu quando ele começou a ser pressionado pelos filhos, no negócio da rachadinha, e teve de tomar atitude. Foi quando ela foi ameaçar ele, dizendo que se ele fizesse algo, ela ia f*** com ele também”, conta Marcelo.

Leia também

1- VÍDEO: Em Caruaru, presidente ataca STF e volta a falar em ruptura

2- VÍDEO: Irmãos Weintraub preveem que serão presos e Lula vencerá eleição

Filho

Marcelo diz que Ana Cristina usava Jair Renan, o filho do presidente com Ana Cristina, na chantagem.

“Primeiro ela fazia chantagem com ele usando o (Jair) Renan. Ela falava que sumiria com o Renan, isso e aquilo. Ela é capaz disso tudo”, disse.

O garoto, de acordo com Marcelo, não se dava bem com a madrasta quando morava com o pai e Michelle na Barra da Tijuca por ser influenciado pela mãe.

O ex-empregado da família também acusa Ana Cristina Valle de fazer uma “lavagem cerebral” em Jair Renan, que, segundo ele, é proibido pela mãe até hoje de visitar o Alvorada se Bolsonaro não estiver lá.

Confira abaixo:

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!