Na Paulista, manifestantes são atingidos por tomates que deveriam acertar cartaz com cara de Gilmar

O parque temático dos morominions na Paulista, armado neste domingo, 17, tinha como uma das atrações um cartaz com a cara de Gilmar Mendes.

No chão, uma montanha de tomates podres, o sumo fedido escorrendo até o meio fio.

Os manifestantes pegavam o vegetal, miravam, atiravam no inimigo, berravam (o clássico “Uhu!”) e posavam para as câmeras dos parentes.

Mulher pega tomate podre para jogar em Gilmar Mendes

O problema é que o cartaz ficava num poste bem no meio da ciclovia e era pequeno.

Um sujeito passava por trás do tiro ao alvo no momento do fuzilamento e foi atingido por uma tomatada.

O cidadão de bem ficou irritado e a turma do deixa-disso acorreu para explicar que não foi proposital etc etc. Nossa fotógrafa teve que contar o riso.

O homem não foi o único a sofrer esse dano colateral.

Como se tratava de fogo amigo, ficou tudo em casa.

O importante é salvar o Brasil do STF, talquei?

Manifestante é atingido por fogo amigo de tomate em protesto contra Gilmar na Paulista (à direita)

 

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!