Nas redes, presidente do Banco do Brasil ataca o STF, ridiculariza as mulheres e chama golpe de 64 de “movimento”

Publicado por Carta Capital:

Por Vinicius Segalla

Com reportagem de Thais Reis Oliveira

O novo presidente do Banco do Brasil, o economista Rubem Novaes, é um homem alinhado a seu superior hierárquico. Seu histórico de postagens nas redes sociais mostra deferência a várias das bandeiras defendidas pelo presidente Jair Bolsonaro: misoginia, antipetismo, fake news e teorias exóticas sobre aquecimento global e política. É ver para crer.

No que se refere especificamente à sua área de atuação – a economia – Novaes é um liberal convicto, que acredita no Estado Mínimo e acha que o Bolsa Família torna as pessoas acomodadas e faz com que seus beneficiários percam o desejo de procurar emprego.

Veja, abaixo, algumas das pérolas que, pelo menos até a publicação desta reportagem, estavam à disposição de todos que têm olhos para ver, na página pessoal do presidente do BB no Facebook.

    

 

Acompanhe as publicações do DCM no Facebook. Curta aqui.

Clique aqui e assine nosso canal no youtube

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!