O maior iceberg do mundo acaba de se dividir em dois

O iceberg A-68A

Publicado originalmente no RT:

Novas imagens capturadas pelo satélite da Agência Espacial Européia (ESA), Copernicus Centinel-3, registraram o desprendimento de um enorme bloco de gelo da ponta norte do gigantesco iceberg A-68A.

De acordo com um comunicado recentemente emitido pela ESA, um enorme bloco de gelo de 18 quilômetros de comprimento, cobrindo uma área de cerca de 140 quilômetros quadrados, quebrou a parte norte do A-68A.

Este novo iceberg, que provavelmente se chamará A-68-D, é o terceiro destacamento maciço sofrido pelo enorme iceberg desde que se separou da plataforma de gelo de Larsen em 2017, na Península Antártica.

Devido à perda de massa que o A-68A sofreu nas últimas semanas, seu tamanho foi reduzido para 3.700 quilômetros quadrados, perdendo o status de maior iceberg do mundo. Agora esta homenagem vai para o A-23A, que atualmente com 4.000 quilômetros quadrados está encalhado no Mar de Weddell, também na Antártica.

Recentemente, a NASA avisou que o A-68A chegou perigosamente perto de menos de 100 quilômetros da Ilha de San Pedro, ou Geórgia do Sul, uma situação que causou alertas, uma vez que existe o risco de encalhar em águas rasas e perturbar todo o ecossistema, colocando em risco as populações de pinguins e focas.