O que querem de Lula não é “autocrítica” nenhuma. É subjugação. Por Kiko Nogueira

O deputado Chico Alencar abraçou, no Twitter, a “autocrítica”, chamada por ele de “uma saudável tradição da esquerda”.

“Ao longo da História, TODOS cometemos erros. Reconhecê-los é importante meio de superação e renovação. A direita oligárquica e satisfeita com o status quo é que nunca se revê”, completou.

Chico estava repercutindo uma notícia da Folha em que Lula defendia que “o PT não tem que fazer autocrítica”.

O que Chico e cia. esperam é submissão. Subjugação. Não é reflexão pelos equívocos. É autoflagelo.

A direita não faz porque está sempre esperando que a esquerda se dobre diante dela.

De FHC, entre outros, isso não é jamais cobrado.

O que se espera é que Lula cubra a cabeça de cinzas, se humilhe, ajoelhe no milho e implore perdão pelo que fez e pelo que não fez.

Por ter nascido, por ter vivido e por ter virado presidente.

A ideia é exatamente essa: dar ao inimigo a superioridade moral, eventualmente religiosa, para avaliar se perdoa Lula.

Nunca será suficiente.

Ainda que ele admita que saqueou o Louvre com Ronald Biggs, ele nunca será “perdoado”.

Lula é culpado desde que saiu de onde não deveria ter saído.

Autocrítica é pessoal e intransferível.

Antes de cobrar que os outros a façam, é fundamental que o sujeito a exerça.

Como lembrou Jean Wyllys, o PSOL vai se arrepender publicamente de parte do partido ter apoiado a Lava Jato? Luciana Genro morreu, mas está viva.

Chico já abriu o coração sobre a noite em que beijou a mão de Aécio numa festa de Noblat em que Temer era a grande estrela?

Rapapé, aliás, que fica a cada dia mais parecido com o Baile da Ilha Fiscal, que enterrou o Império.

“Você tudo bem, mas Renan e Jucá, não”, derramava-se Alencar para o tucano.

Chico — e tantos outros — precisam acertar as contas com a sua consciência antes de mais nada.

 

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!