Os Kings Of Leon não serão plebeus

Com novo single, a banda volta próxima ao nível do álbum que estourou.

[youtube id=”64a15jJqFDk” width=”600″ height=”350″]

De tempos em tempos, os roqueiros escolhem salvadores. Com o rock&roll meio caído no mundo da música pop, sempre aparece uma nova esperança de alguém que nos salvará de ter que agüentar mais um single do Jay-Z, featuring sabe-se lá que cantora desta vez.

No fim da década passada, foram os Kings Of Leon, provavelmente os últimos entre os enviados. Graças ao álbum Only By The Night, que se aproximou do pop, eles chegaram ao número 1 nos charts do Reino Unido, derrubando inclusive os rappers e poppers como Jay-Z e Bruno Mars.

Anteontem, eles lançaram um novo single na internet. Um dia apenas se passou e mais de 500 mil pessoas ouviram a música, intitulada Supersoaker, que será carro-chefe do álbum Mechanical Bull, que ainda não tem previsão de lançamento.

Bom, o que aconteceu entre Only By The Night, álbum de 2008, e Come Around Sundown, álbum de 2010, é que eles tocaram muito. Tiveram a possibilidade de ganhar um dinheiro que provavelmente os sustentará pelo resto da vida. Assim, o álbum seguinte não atingiu o mesmo sucesso, até porque foi menos trabalhado. Come Around Sundown é menos pop, mas não no sentido raso da palavra. É menos melodioso, emociona menos.

Mas Supersoaker resgata o tesão. Parece-me que, de novo, eles puderam sentar em paz num estúdio e pensar no que realmente queriam (ou deviam) fazer.

Ela tem o beat certo, o peso certo, a melodia certa, uma boa letra. Vai ser um hit. Já é. Não vai durar como Sex On Fire. Esta, provavelmente, teremos que suportar por uns 20 anos nas pistas de dança. Primeiro porque não fala de sexo. Segundo porque ainda não acertou na veia. Mas já mostra que o trem voltou para os trilhos.

 

Supersoaker (single) – Kings Of Leon

Download: US$ 1,29

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!

Compartilhar
Artigo anteriorEm 1999 Serra defendeu a importação de médicos cubanos
Próximo artigoO ELOGIO DA SOLIDÃO
Emir Ruivo é músico e produtor formado em Projeto Para Indústria Fonográfica na Point Blank London. Produziu algumas dezenas de álbuns e algumas centenas de singles. Com sua banda, Aurélios, possui dois álbuns lançados pela gravadora Atração. Seu último trabalho pode ser visto no seguinte endereço: http://www.youtube.com/watch?v=dFjmeJKiaWQ