Para Bolsonaro, Aécio votou contra voto impresso porque está “preocupado com retaliações”

Aécio Neves

No cercadinho, nesta quarta (11), Jair Bolsonaro apontou que Aécio Neves votou contra a PEC do voto impresso porque está “preocupado com retaliações”.

Sem citar nomes, ele disse que quem se absteve temia represálias jurídicas.

“Os que se abstiveram numa votação online… Que é muito difícil acontecer, não é que votou ‘abstenção’, é que não votou… Também é sinal de que ficaram preocupados com retaliações”.

A única abstenção registrada na votação foi a do tucano.

Mais cedo, Aécio justificou que não votou porque pretende retomar o debate acerca do tema após 2022 e que, se a medida fosse aprovada, Bolsonaro teria uma vitória.

Leia também:

1 – 14 deputados do PSDB votaram pelo voto impresso e apenas 12 contra

2 – Sem mostrar provas, Bolsonaro diz que Aécio venceu Dilma em 2014

O presidente segue atribuindo a culpa do fracasso do voto impresso ao presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luis Roberto Barroso:

“Estão com problemas, essas pessoas aí resolveram votar com com o ministro lá presidente do do TSE”.