Pastor acusado de pedofilia gravou VÍDEO em apoio a Bolsonaro e contra “erotização precoce das crianças”

O pastor André Vitor, que aparece passando a mão numa criança em vídeo publicado nas redes sociais do cantor Wesley Safadão, é um bolsonarista convicto.

As imagens mostram o pastor, que acompanha a família de Safadão há anos, abraçando por trás uma menina de biquíni, que depois se solta para continuar pulando e comemorando junto aos demais presentes.

Em setembro de 2018, André Vitor publicou um vídeo pedindo votos para Jair Bolsonaro, candidato à Presidência da República na época.

Ele apela a todos os “cidadãos de bem” para que votem no ex-capitão, pois ele acabaria com a corrupção.

O pastor ainda se diz contra a “ideologia de gênero” e a “erotização precoce das nossas crianças”.

Ele chegou a se reunir, em 2019, com a ministra Damares Alves, que no ano passado comandou a campanha de violência contra uma criança de 10 anos que engravidou após ser estuprada.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!