Pastor evangélico é um dos agressores de manifestantes que protestavam contra Damares em São Carlos (SP)

O pastor Tiago Botton, de São Carlos, avança sobre manifestante

Militantes do PSOL foram agredidos neste sábado, 18, em São Carlos (SP) quando protestavam contra a presença da ministra Damares Alves.

Damares se reuniu com o prefeito Airton Garcia para falar sobre o problema das enchentes na cidade. Ela se formou nas Faculdades Integradas de lá.

Um casal e outras pessoas foram agredidos com empurrões, murros e chutes. Um jovem foi ferido no rosto e deixou o local sangrando.

Um vereador forneceu ovos para os homens, que estavam com camisetas com a cara de Jair Bolsonaro.

Os bolsonaristas impediram o grupo de chegar à prefeitura.

Rasgaram os cartazes e tiraram bandeiras das mãos deles. O celular de uma mulher que estava filmando a covardia foi atirado no chão.

“A gente veio fazer um protesto pacífico, divertido, com uma roupa colorida, animada, com peruca, com frases pacíficas, mas, aparentemente, isso já é agressivo, isso já ofende”, afirma a educadora ambiental Evelyn Araripe.

Entre os sujeitos que protagonizaram os ataques está um pastor evangélico.

Tiago Botton é “bispo” da Igreja Apostólica Plenitude de Deus.

Corpulento, ele foi para cima de uma garota gritando “essa é a minha liberdade de expressão!”.

Em seguida, avançou sobre um rapaz. “Tá me olhando com cara feia por quê?”, questiona, ameaçador.

Ele aparece de camiseta azul no vídeo abaixo a partir do minuto 0:25.

Truculência da Direita contra manifestantes durante visita da Ministra Damaris

Posted by Jeferson Vieira on Saturday, January 18, 2020

“Hoje, por três vezes fui chamado de fascista por militontos do PSOL. O negócio é rir kkkkk”, escreveu no Facebook.

Cidadão de bem, bolsonarista, Tiago coleciona postagens em apoio ao seu mito e ataques ao PT.

Tem foto com a deputada Carla Zambelli — aquela que aparece num áudio confessando para o Secretário de Saúde de São Carlos que só conseguiu a liberação de recursos para suas emendas porque votou a favor da reforma da Previdência

“Há uma guerra sendo travada e nós temos que ser o suporte espiritual que o governo precisa”, diz uma das mensagens publicadas por Tiago.

Segundo seu evangelho, suporte espiritual é porrada.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!