Paulo Coelho lamenta a morte e lista os “assassinos” de Paulo Gustavo

Paulo Gustavo tem morreu de Covid-19 aos 42 anos – Foto: Reprodução

Paulo Coelho foi às redes sociais nesta terça-feira (04) lamentar a morte de Paulo Gustavo, vítima da Covid-19.

Em publicação no Twitter, o escritor listou os “assassinos” do humorista.

Todos têm as marcas do genocida no poder.

Assassinos de Paulo Gustavo :

– quem dizia “é só uma gripezinha”

– “não passa de 200 mortes”

– “cloroquina resolve”

– “gente morre todo dia”

– “Lockdown destrói o país”

– “máscara nos faz respirar ar viciado”

– “eu obedeço o comandante”

E por aí vai. Canalhas da pior espécie.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!