PCO diz que bateu em “infiltrados do PSDB” que queriam “sabotar o ato” na Paulista

Manifestante rasga bandeira do PSDB – Foto: DCO/Reprodução

Publicado originalmente no Diário da Causa Operária (DCO), do PCO

Os infiltrados do PSDB no ato na Avenida Paulista, em São Paulo, tentaram provocar os manifestantes de vermelho e foram escorraçados.

LEIA – Rui Costa Pimenta diz que não assinou superpedido de impeachment junto a “delinquentes” como Joice e Kim

Quando a passeata começou a andar, no sentido da Rua da Consolação, os manifestantes trabalhadores, estudantes e militantes se depararam com os agentes fascistas do PSDB, que entraram na manifestação para sabotá-la.

LEIA MAIS – A esquerda, a direita e os direitos democráticos. Por Rui Costa Pimenta

No entanto, os bate-paus do PSDB, achando que poderiam se dar bem, iniciaram uma briga com os manifestantes. Se deram mal. Foram escorraçados sem piedade pelos manifestantes, que não aceitam os elementos fascistas de João Doria e da PM nos atos da esquerda.

Como noticiado mais cedo em primeiro mão pelo DCO, elementos pagos pelo PSDB haviam se concentrado próximo do cruzamento da Avenida Paulista com a Consolação, junto com outros mercenários do Cidadania, PSB e PV.

No final desta semana, o diretório municipal do partido de FHC e Aécio Neves havia anunciado que participaria do ato na Avenida Paulista, levando “2 mil pessoas” de verde e amarelo. Mas levou apenas meia dúzia de fascistas, que apanharam dos trabalhadores. E apanharão muito mais caso voltem a provocar e a atacar os trabalhadores nos atos dos trabalhadores.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!