Por que não há boletins diários de saúde de Bolsonaro e o nome de seus médicos não é revelado?

Bolsonaro tosse após ato golpista em Brasília

De um amigo do DCM:

Ninguém vai perguntar por que não são emitidos boletins médicos sobre o estado de saúde de Bolsonaro?

Não me refiro a boletins do Palácio do Planalto, mas de boletins dos supostos médicos que o estão atendendo.

Sim, porque se que ele estiver mesmo com covid-19, imagino que esteja sendo atendido por médicos, e não pelo estafe do Palácio.

Quem me fez essa pergunta agora foi uma pessoa humilde do interior de Goiás.

E que não venham com a história de sigilo médico e intimidade do paciente, porque a saúde de um chefe de Estado é de interesse da nação.

Vide Boris Jonhson, que dava satisfação diária sobre a evolução da doença.

O presidente da República contraiu a mais perigosa doença infectocontagiosa do último século e não se sabe quais são os profissionais que estão tratando dele?

Um presidente morrer numa pandemia não seria novidade no Brasil. Na gripe espanhola morreu Rodrigues Alves.

Dizem que ele tem feito 3 exames diários do coração. Quem garante isso?

Porque não emitem um boletim médico todos os dias?

Em qualquer país democrático seria assim.

Só quem fala sobre a saúde dele é o pessoal da Secom. Não tem cabimento isso.

Se ele não estiver doente, haveria algum médico disposto a dizer que está tratando dele de uma doença que ele não tem?

A resposta explicaria muita coisa.

 

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!