Quando o Legislativo irá acender a luz amarela contra os supremacistas?

O assessor Felipe G. Martins e seu gesto obsceno na sessão do Senado

No dia em que o Brasil chegou a 300 mil mortos por Covid (ou por estratégia institucional de propagação do Coronavírus), o assessor Especial para Assuntos Internacionais de Bolsonaro, Felipe G. Martins, em uma sessão do Senado, fez um gesto que foi entendido por muitos como supremacista branco.

Não tardou para que, nas redes sociais, fossem feitas inúmeras denúncias e, inclusive, um tuíte de repúdio do Museu do Holocausto.

Na tentativa de se defender das acusações, o assessor alegou que estava ajeitando o paletó, o que, claramente, não se percebe pelo vídeo. Pelo contrário. Ou estaria fazendo um gesto obsceno de referência anal ou uma manifestação supremacista.

Mas dado o histórico de referências ao nazismo, à supremacia branca e a outros extremismos de membros do governo Bolsonaro, é mais óbvio associar o gesto a uma manifestação supremacista branca.

Um pouco mais cedo, o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira, havia dito que o “sinal amarelo” estava acesso e que o Legislativo não aceitaria mais nenhum erro do presidente na condução da pandemia.

Uma pena que não estendeu aos demais “erros” cometidos ao longo dessa terrível tragédia chamada governo Bolsonaro.

https://gauchazh.clicrbs.com.br/politica/noticia/2019/04/presidente-de-israel-e-diretor-do-museu-do-holocausto-criticam-bolsonaro-por-afirmar-que-nazismo-pode-ser-perdoado-cjuhaa8ho026y01rt67abbgdb.html
https://www.jornaldocomercio.com/_conteudo/politica/2020/05/740942-consul-de-israel-critica-weintraub-por-associar-nazismo-a-operacao-do-stf.html
https://congressoemfoco.uol.com.br/governo/judeus-se-revoltam-com-comparacoes-ao-nazismo-feitas-por-bolsonaristas-basta/
https://www.bbc.com/portuguese/brasil-52626218
https://www.bbc.com/portuguese/brasil-52626218

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!