Reforma de Guedes destruirá parque científico e tecnológico nas universidades. Por Renato Janine Ribeiro

PUBLICADO NO FACEBOOK DO AUTOR

POR RENATO JANINE RIBEIRO

Pelo que diz o Estadão, só terão estabilidade, com a reforma administrativa, os servidores sem paralelo na iniciativa privada.

Isso coloca um enorme problema para a educação.

É óbvio que há professores na iniciativa privada.

Contudo, especificamente no caso do ensino superior, a pesquisa científica realizada no Brasil é majoritariamente realizada nas universidades públicas.

Se não houver estabilidade para o professor universitário, vai ser uma calamidade.

Acaba o parque científico e tecnológico, acaba a formação de qualidade, no país.

Por quê? Porque, se o professor universitário puder ser demitido sem mais aquela, quem vai se empenhar em dar o melhor de si para lecionar, orientar, produzir?

Sim, produzir. Fazer ciência e conhecimento rigoroso.

Então, SBPC, ABC, ANDIFES, CONIF, ANDES, UNE, FASUBRA e cidadãos em geral: não podemos deixar isso passar!

Depois falarei da educação infantil e básica.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!