Regina Duarte pediu a Marta que vetasse construção de edifício que atrapalhava sua vista para o Ibirapuera

Regina Duarte com Bolsonaro e o ministro da Secretaria de Governo, Luiz Eduardo Ramos

A notícia no Estadão é de 2003 e diz muito sobre o caráter e a militância política em causa própria da nova secretaria da Cultura de Bolsonaro:

O mistério em torno da reivindicação feita pela atriz Regina Duarte à prefeita Marta Suplicy, durante audiência anteontem, não durou muito.

Vizinhos da atriz e assessores da Prefeitura acabaram revelando que Regina foi ao Palácio das Indústrias para tentar impedir a construção de um prédio na Alameda Joaquim Eugênio de Lima, que prejudicaria a vista do edifício onde ela mora, na Rua Caconde, a poucos metros da obra.

Mas a reivindicação dificilmente será atendida. Segundo a Secretaria Municipal da Habitação, o projeto da Construtora Quota, que ainda está em fase de avaliação, não tem irregularidades.

O prédio residencial de 16 andares ocupará um terreno de mil metros quadrados, onde antes funcionava a Tratoria do Piero, e deve ficar pronto em dois anos.

Ao procurar a Prefeitura em nome dos moradores do edifício Juan Le Pins, onde os apartamentos de 5 dormitórios estão avaliados em cerca de R$ 1 milhão, Regina teria argumentado que a construção estaria em desacordo com a legislação, prejudicando a vista para o Parque do Ibirapuera.

Ela apresentou documentos e um abaixo-assinado, que, por determinação da prefeita, foram encaminhados à Subprefeitura de Pinheiros, para análise.

A princípio chegou-se a especular que a reclamação seria contra a ocupação da Praça José Munia, por operários contratados pelo restaurante, mas um dos proprietários esclareceu que a reforma da praça, que custará R$ 15 mil, foi acordada com a Prefeitura.

Já o responsável pela construtora Quota, Jorj Petru Kalman, criticou a atitude de Regina Duarte. “Ela é uma atriz respeitada, mas não deveria se aproveitar disso em benefício próprio”, diz. Kalman alega ainda que apenas os dormitórios do prédio onde ela mora têm vista para o Ibirapuera.

“Se quiser ver uma bela paisagem por completo, a Regina deveria se mudar para o edíficio que irei construir.” A assessoria da atriz informou que ela não pretende comentar o assunto.

 

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!