Regina Duarte, ex-namoradinha do Brasil, se cala sobre Cinemateca e é cobrada: “Nenhuma palavra”

Regina Duarte não quer falar da Cinemateca

A atriz e ex-namoradinha do Brasil, Regina Duarte, não deu uma única palavra sobre o incêndio na Cinemateca. Bolsonarista de carteirinha, ela vem sendo cobrada nas redes sociais por uma posição sobre o assunto.

Ela prefere fazer postagens aleatórias em seu perfil no Instagram, onde tem 2,4 milhões de seguidores. Mas os fãs exigem uma posição e vem fazendo cobranças públicas sobre o tema.

Ontem, um dia depois do incêndio que queimou parte da cultura brasileira, Regina postou uma flor. Mas os seguidores não perdoaram e encheram a caixa de comentários com cobranças. “E a Cinemateca?”

Leia também

Centrão enquadra Bolsonaro e manda ele parar de mentir sobre urna eletrônica

Bolsonaro perde a guerra nas redes sociais e é detonado por live com fake news

Regina Duarte e a Cinemateca

A bolsonarista foi anunciada por Bolsonaro como a responsável por cuidar da Cinemateca. Isso aconteceu pouco depois dela ter levado um pé e demitida da secretaria da Cultura.

Se dizendo honrada com a missão, a atriz nunca ganhou o cargo, de fato, e ficou a ver navios. Agora, sob cuidados de Mário Frias, a Cinemateca virou cinzas e ela parece não querer ligação com isso. Diferente de Regina, Fernanda Montenegro fez forte posicionamento sobre o assunto.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!