Repórter da Globo invade IML de BH, faz perguntas inconvenientes e é criticada durante cobertura do desastre em Brumadinho

Do Notícias da TV

Internautas criticaram a repórter Isabela Scalabrini, que fez entradas ao vivo para os telejornais da Globo e da GloboNews neste sábado (26) na cobertura do desastre em Brumadinho.

No IML (Instituto Médico Legal) de Belo Horizonte, em Minas Gerais, a jornalista entrevistou profissionais da Polícia Civil e parentes de possíveis vítimas que foram ao local em busca de informações.

Um dos pontos questionados pelos telespectadores foi o local onde Isabela fez os links: uma sala destinada para os familiares informarem sobre o sumiço do parente.

A repórter essas pessoas no momento da conversa com o profissional da Polícia Civil, com perguntas insistentes os envolvidas no atendimento.  Esses foram alguns dos questionamentos da jornalista durante as entradas ao vivo: “Muito choro? Você ficou emocionada? A senhora estava procurando o seu marido? A senhora tentou ligar? E qual foi a notícia que os patrões do seu marido deram para você?”.

Os links foram exibidos na edição especial do Jornal Hoje, da Globo, que teve quase três horas de duração neste sábado, e também para o plantão da GloboNews.

(…)

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!