Rosângela Moro beija TV com imagem do marido: cena lembra a da miss Bumbum do turismo. Por Joaquim de Carvalho

Rosângela beija a tela da TV em que aparece Moro: “juntos, somos mais fortes”
A ex-miss Bumbum beijou o marido ministro no gabinete: nas duas fotos, não há crime, só manifestação do ridículo     

Quando a ex-miss bumbum Milena Santos fez um ensaio fotográfico no gabinete do marido recém-nomeado ministro do turismo do governo Dilma, em 2016, a velha imprensa fez um estardalhaço.

Não havia nada de ilegal naquelas fotos, mas a atitude foi apresentada como sinal de um governo em decadência.

Há cerca de uma semana, Rosângela Moro postou no Instagram uma foto em que aparece beijando a tela de uma TV, em que aparece o marido, em entrevista.

Rosângela escreveu: “uma tela e alguns kilometros (sic) são pequenos detalhes. Juntos para sempre.” Incluiu um coraçãozinho vermelho e duas mãos postas.

Na foto de 2016, a ex-miss bumbum escreveu: “Compartilhando com meus amigos meu primeiro dia de Primeira Dama do Ministério do Turismo do Brasil. Te amo meu amor, juntos somos mais fortes! Não é atoa que ao lado de um grande Homem, existe sempre uma linda e poderosa mulher” (sic).

Em termos de manifestação de deslumbramento, qual a diferença entre Rosângela e Milena Santos?

Nenhuma.

Só a velha imprensa não vê.

Desde a campanha eleitoral, Rosângela tem usado o Instagram para manifestação política pró-Bolsonaro. No dia da eleição, publicou o vídeo com uma montagem em que o Cristo Redentor apontava para o 17, número de Bolsonaro.

Alguns dias depois, Moro foi anunciado ministro da Justiça, com a pasta turbinada.

Como futura primeira-dama do Ministério da Justiça, Rosângela tem tido uma agenda intensa nas últimas semanas.

Em nome do marido, recebeu dois prêmios entregues pela RIC, dona das afiliadas da TV Record em Curitiba. Fez questão de destacar, em letras grandes: “@Rosângelawmoro representa o futuro ministro Sergio Moro”.

Na mesma cerimônia, posou para foto com o desembargador João Pedro Gebran Neto, relator da Lava Jato no TF-4.

Estava acompanhada do filho, que até pouco tempo atrás, alegando necessidade de proteção, costumava mostrar com  rosto rabiscado. “Mamãe protege”, avisava ela. Agora, pelo jeito, não precisa mais evitar a exposição do adolescente.

A foto também demonstra a proximidade da família de Rosângela com o desembargador Gebran.

Sergio Moro e o desembargador já se apresentaram reciprocamente como amigos em livros publicados, mas isso não impediu que o magistrado responsável por revisar decisões de Sergio Moro se julgasse suspeito.

São amigos desde o tempo em que o marido de Rosângela assumiu a Vara de Cascavel, depois que Gebran também foi juiz lá.

Por sinal, moradores mais antigos da cidade lembram de acontecimentos que causaram constrangimento e a ameaça de um processo administrativo contra Moro.

Advogada, Rosângela divulgou como telefone de seu escritório o número da Justiça Federal.

O procurador Celso Três, que trabalhava naquela jurisdição, lembra que se alegou engano, e ficou tudo por isso mesmo. Celso Três, a propósito, acha que foi engano mesmo.

Rosângela não esconde as amizades que tem no meio jurídico. Foi sócia de Carlos Zucolotto Júnior, denunciada pelo advogado Rodrigo Tacla Durán como intermediário de uma negociação de benefícios em acordo de delação premiada, em troca de 5 milhões de dólares pagos “por fora”.

Também trabalhou com Marlus Arns em processos trabalhistas de uma massa falida em Guarapuava, no interior do Estado, para um grupo que foi investigado em uma CPI da Assembleia Legislativa do Paraná como líder da “máfia das falências”, a família Simão.

Desde esta época, tento entrevistar Rosângela Moro, com solicitação formal.

Ela demonstra que está sempre muito ocupada.

Quando não está vendo o marido pela TV, está em atos públicos. Na diplomação de Jair Bolsonaro, acompanhou o marido e tirou foto com Eduardo Bolsonaro.

Rosângela postou a imagem na rede social e escreveu “Com a família do Presidente Eleito”.

Rosângela, com sua desenvoltura, tem roubado a cena, de um jeito peculiar, que a velha imprensa prefere não mostrar.

Ah, se fosse a miss Bumbum…

Rosângela, com Gebran e o Filho, agora sem rabisco no rosto
Com o marido e Eduardo Bolsonaro: tem desenvoltura.

 

Rosângela avisa: representa o futuro ministro da Justiça

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!