SBT é condenado a pagar R$ 100 mil de indenização a Hermano Henning

Segundo publicação do UOL, o SBT foi condenado a pagar uma indenização de R$ 100 mil por danos morais ao jornalista Hermano Henning. A sentença foi decretada na última sexta-feira (16). Cabe recurso.

Henning entrou com uma ação trabalhista na 2ª Vara do Trabalho de Osasco (SP) contra o SBT, onde trabalhou nos últimos 23 anos. Em 2017, o âncora não teve o seu contrato renovado e foi dispensado pela emissora.

“Imagina, tanto tempo de dedicação e o cara chegar no telefone e dizer ‘o seu programa saiu do ar, não precisamos mais de você’. [A minha comemoração] não é nem pelo dinheiro, é pela humilhação mesmo. Me senti muito humilhado, sem dúvida”, disse Henning ao UOL, por telefone.

Na sentença, dada em primeira instância, a juíza Cleusa Aparecida de Oliveira Coelho considerou que “o sofrimento ou sentimento de humilhação [de Henning] devem ser significativos (…), impactando diretamente em seu bem-estar e, com isto, causando-lhe profundo choque psicológico”. Ela determinou ainda que o SBT pague ao jornalista hora extra, 13º, férias, adicional noturno, FGTS, entre outros.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!