Temer fracassou e Bolsonaro tende a fracassar na Reforma da Previdência. Por Alberto Carlos Almeida

Michel Temer passa a faixa presidencial para o novo presidente, Jair Bolsonaro – Marcelo Camargo/Agência Brasil

Publicado originalmente no perfil do autor no Facebook

POR ALBERTO CARLOS ALMEIDA, cientista político e autor dos livros A cabeça do brasileiro, A cabeça do eleitor, e O voto do brasileiro

FH reformou a previdência estabelecendo o fator previdenciário. Lula reformou o RPPS. Dilma reformou a previdência ao estabelecer o Funpresp. Temer fracassou e Bolsonaro tende a fracassar.

O que separa o sucesso do fracasso é a Lava Jato.

Temer foi abatido pelo “Joesley day”, algo que só foi possível por causa da Lava Jata. Bolsonaro colocou a operação dentro do governo ao escolher o Ministro da Justiça.

A prisão de Temer é resultado também da Lava Jato.

Reforma difíceis exigem um sistema político minimamente inteiro.

A Lava Jato criminalizou a política e destruiu os procedimentos habituais de nossa política, que permitiam aprovar mudanças legislativas complexas.

Não dá para ter tudo, ou a Lava Jato se fortalece e o país permanece patinando quanto à reforma da previdência e muitas outras também importantes, ou aceita-se que a Lava Jato já deu o que tinha de dar e agora é hora de virar a página e buscar os consensos necessários para fazer o país andar.

Nada é mais precioso do que um sistema política de pé.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!