Vencedora de reality show musical luta contra depressão e trabalha como panfleteira

Segundo publicação do Noticias da TV, Ani Monjardim luta para retomar sua carreira musical. Revelada no reality Fábrica de Estrelas (2013), do Multishow, a cantora foi uma das vencedoras da competição e conquistou uma vaga no grupo Girls, que surgiu para ser o novo Rouge. O problema é que o sucesso não aconteceu e o grupo foi desfeito depois de oito meses. Sem perspectiva, ela trabalhou como panfleteira para conseguir se sustentar e entrou em depressão.

Na última quarta-feira (15), ela deu o passo inicial em seu retorno à música e se apresentou no Canta Comigo, programa apresentado por Gugu Liberato na Record. Mas sua pontuação não foi expressiva e ela não se classificou para a próxima fase.

“Para mim foi um teste para saber se estou ou não preparada para voltar. Foi libertador dar esse primeiro passo, afinal foram mais de quatro anos sem pisar em um palco. Uma hora eu ia ter que fazer isso comigo mesma. Depois que eu terminei de cantar eu tive a sensação de que não estava na hora ainda de colocar a minha cara a tapa, mas foi necessário”, diz.

O reality de Gugu mostrou uma pequena reportagem sobre Ani. Bastante emocionada, ela disse ter chegado ao fundo do poço após o fim de seu grupo musical e que enfrentou uma depressão, mas não deu detalhes sobre o caso.

Ao Notícias da TV, ela revelou ter passado por dias muito difíceis após o fim do Girls e precisou trabalhar como panfleteira em São Paulo para conseguir se sustentar até conseguir voltar para Vitória (ES), sua cidade natal.

“A banda acabou em fevereiro de 2014, e em março eu estava panfletando nas ruas”, comentou ela, que atualmente trabalha como promotora de eventos. “Se eu trabalhei como panfleteira depois de um mês de banda terminada, então aqui eu não tô nem aí para esse tipo de trabalho. Já panfletei em cancela de shopping, na faculdade eu vendia brigadeiro. Não tenho vergonha desse tipo de trabalho”, afirma.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!