VÍDEO: A hiprocrisia de Bolsonaro: em 2017, ao lado de Flávio, disse que era contra a “porcaria do foro privilegiado”

O vídeo postado por Eduardo Bolsonaro mostra a hiprocrisia da família Bolsonaro em relação ao foro privilegiado. Em março de 2017, quando a discussão sobre foro privilegiado estava quente, seu pai, Jair Bolsonaro, gravou um vídeo ao lado de Flávio para criticar os demais deputados e dizer que era contra o princípio.

“Dos 513 deputados, 450 vão ser reeleitos. Por que eles têm que ser reeleitos? Para continuar com foro privilegiado. O único prejudicado com o foro privilegiado sou eu. E eu não quero essa porcaria de foro privilegiado”, disse ele, enquanto Fávio ria, como a dizer: “Nós não precisamos disso”.

Bolsonaro era (e é) réu no STF pelo crime de injúria, por dizer à deputada Maria do Rosário que só não a estuprava porque ela não merecia e que era muito feia.

Maria do Rosário ganhou ação indenizatória contra Bolsonaro, mas o processo criminal foi suspenso depois que ele foi eleito presidente, por uma imposição legal.

Presidentes não respondeu processos por acusação de crimes anteriores ao mandato. Quando Bolsonaro deixar a presidência, o processo será retomado.

No vídeo, ele ainda ataca um ministro do Supremo, que estaria “a serviço do PT”.

O relator do caso era Luiz Fux.

Hoje, depois de bater em várias portas do Judiciário, Flávio Bolsonaro conseguiu foro privilegiado no Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, com uma decisão que desrespeitou jurisprudência do STF, de acordo com juristas.

 

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!