VÍDEO: a mando do obscurantista Crivella, fiscais vão à Bienal do Livro no Rio em busca de “conteúdo impróprio”

A guinada obscurantista do bispo Crivella com vistas à reeleição de 2020 não tem limites.

A Secretaria de Ordem Pública da prefeitura do Rio realizou uma “fiscalização” para identificar e lacrar livros considerados “impróprios” na Bienal do Livro do Rio.

“Se ele não estiver seguindo as recomendações de estar lacrado e com a orientação quanto ao conteúdo, nós vamos apreender esse material”, disse o coronel Wolney Dias, subsecretário de operações.

Chama-se censura.

É inacreditável, mas está acontecendo.

Posted by Carol Proner on Friday, September 6, 2019

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!