VÍDEO: A vergonhosa celebração do golpe de 64. Por Bemvindo Sequeira

Bemvindo Sequeira. Foto: Reprodução/YouTube

No dia em que o golpe militar de 1964 completa 57 anos, Bemvindo Sequeira afirmou que o “país está uma zona” e cita que a nota de Braga Netto é uma “vergonhosa celebração”.

“Eu sugiro que na celebração em todas as praças do país haja paus de arara”, diz.

Ele diz que isso deve fazer lembrar o que foi a ditadura militar, junto com fuzilamento de indígenas e outros métodos de tortura.

Para Sequeira, deveria haver uma estátua do torturador Ustra:

“A maior estátua de torturador do mundo pode ser elevada em Brasília. Já pensou que coisa turística fabulosa? Pro mundo, a gente dizer: ‘nós temos a maior estátua de torturador do mundo. Venham ver! Venham ver!’ Uma forma de celebrar o golpe de 64”.