VÍDEO – Bolsonarista filma protesto e revela vontade de matar índios

Um “cidadão de bem” eleitor de Bolsonaro lamenta não poder atirar nos índios das tribos Guarani e Tupiniquim que protestavam no município de Aracruz, no Espírito Santo.

Ao filmar a protesto que fechava a rodovia ES 010, o sujeito manifestou a vontade de atirar resolver a situação à bala. “Vamos votar no Bolsonaro, todo mundo andar armado e ele autorizar nós a atirar nesses índios aí, que eu estou armado, de munição mas não posso usar nos índios, queria poder usar.”

A manifestação era contra a municipalização da saúde indígena e a transferência da demarcação de terras para o Ministério da Agricultura e foi parte de uma mobilização nacional convocada pela Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (Apib).

Dê uma conferida:

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!