VÍDEO: Bolsonaro é recebido aos gritos de “genocida” e bate em retirada

 

O presidente Jair Bolsonaro foi chamado de “genocida” e “assassino” nessa segunda-feira (21), na cidade de Guaratinguetá, em São Paulo.

O presidente foi até a cidade do Vale do Paraíba para participar da solenidade de promoção à graduação de sargentos da Escola de Especialistas de Aeronáutica.

O que ele não esperava é encontrar opositores que, em alto e bom som, externaram sua opinião sobre ele e seu governo, durante uma entrevista.

Na mesma viagem, Bolsonaro foi confrontado pela repórter Laurene Santos, da TV Vanguarda.

Leia Mais:

Corajosa, repórter que Bolsonaro mandou calar a boca é mais uma de uma longa fila de jornalistas agredidas e ameaçadas

Veja o vídeo: