VÍDEO: Chanceler Ernesto Araújo chora e puxa o saco de Bolsonaro comparando-o a Jesus

Atualizado em 4 de maio de 2019 às 12:44

Existem puxa-sacos e existe o chanceler Ernesto Araújo.

O sujeito chorou enquanto comparava o chefe Jair Bolsonaro a Jesus.

Você leu direito.

Foi na cerimônia dos novos diplomatas do Instituto Rio Branco.

Olhando de soslaio para Bolsonaro, sentadinho com Mourão, Ernesto dedicou-lhe o discurso.

“A pedra que os órgãos da imprensa rejeitaram, a pedra que os intelectuais rejeitaram, que os especialistas rejeitaram… Essa pedra tornou-se a pedra angular do edifício do novo Brasil”, disse Araújo, citando São Pedro, que falava de Cristo.

Para não deixar o colega passar vergonha sozinho, o ministro da Educação protagonizou um pornô soft no Twitter: