VÍDEO – Cidadão reclama do preço do arroz e Bolsonaro responde: “Vai comprar na Venezuela”

Jair Bolsonaro. Foto: Reprodução/YouTube/Poder360

Um cidadão foi reclamar ao presidente: “Bolsonaro, baixa o preço do arroz, por favor. Não aguento mais”.

Jair Bolsonaro, ríspido, disse o seguinte: “E aí você vai comprar na Venezuela”.

Foi nesta domingo (25). O presidente foi questionado enquanto estava na Feira Permanente do Cruzeiro, localizada próximo a região central de Brasília. Ele tirou a manhã para andar de motocicleta com 1 grupo de motoqueiros e os ministros Luiz Eduardo Ramos (Secretaria de Governo) e Walter Braga Netto (Casa Civil).

Preço do arroz subiu 51,72% no acumulado do ano até outubro.

Nesse mesmo período, o IPCA15 (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo 15), considerado a prévia da inflação, registrou 2,31% de alta.

Bolsonaro também comeu pamonha e tomou café ao lados dos ministros na Lanchonete & Pamonharia do Lico, localizada no Setor de Postos e Motéis de Brasília. Ele estava, claro, sem máscara.

Provocou aglomeração no meio da pandemia do novo coronavírus e cumprimentou e tirou fotos com apoiadores.

Confira o vídeo do absurdo.

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!