VÍDEO – Clientes fazem fila em loja de SP, correndo risco durante a pandemia de coronavírus

Clientes fazem fila para entrar em loja de São Paulo durante a pandemia de coronavírus. Foto: Reprodução/Facebook

A loja Armarinhos Fernando, na Mooca, ficou fechada por dois meses devido à pandemia do novo coronavírus.

De acordo com a Veja São Paulo, o estabelecimento recebeu duas grandes filas neste sábado (23) pela manhã. Antes da abertura marcada para as 10h, pelo menos 50 clientes aguardaram em pé pela entrada na Rua Javari. A loja exige o uso de máscara antes de permitir a autorização de entrada no estabelecimento.

Mesmo com essa medida, a maioria das pessoas não respeita o distanciamento mínimo de dois metros. A aglomeração era tanta que, na Rua dos Trilhos, havia outra fila, só que de carros.

A Armarinhos Fernando possui autorização para funcionar, por se enquadrar como empresa essencial (como se fosse um supermercado), mas seu retorno às operações gerou dúvidas até na prefeitura. Bruno Covas chegou a cobrar pessoalmente o subprefeito da região, mas foi avisado de que o local está dentro da lei, embora as pessoas não vejam produtos essenciais como arroz ou feijão na loja.

A aglomeração não aconteceu apenas nesse sábado. Um vídeo do começo da semana circulou no Facebook. Você pode vê-lo abaixo.

LEIA TAMBÉM – Havan passa a vender arroz e feijão para reabrir como serviço essencial na pandemia de coronavírus

O jornalismo do DCM precisa de você para continuar marcando ponto na vida nacional. Faça doação para o site. Sua colaboração é fundamental para seguirmos combatendo o bom combate com a independência que você conhece. A partir de R$ 10, você pode fazer a diferença. Muito Obrigado!